high-angle-health-professional-drawing-blood (2)-min

Você já se perguntou por que alguns exames de sangue exigem que você fique em jejum? Embora possa parecer inconveniente, há uma razão específica para essa recomendação. Vamos explorar por que o jejum é importante para certos exames laboratoriais e como ele afeta os resultados.

Em primeiro lugar, é essencial entender que os alimentos que consumimos podem afetar temporariamente os níveis de certas substâncias no sangue. Por exemplo, quando comemos, o corpo absorve nutrientes dos alimentos e os transporta para a corrente sanguínea. Isso pode causar variações nos níveis de glicose, colesterol e outros compostos presentes no sangue.

Ao fazer certos exames de sangue em jejum, como os de glicose e lipídios, os resultados podem ser mais precisos. O jejum geralmente é definido como não consumir alimentos ou bebidas calóricas por um período de 8 a 12 horas antes do exame. Isso permite que os níveis de glicose e lipídios se estabilizem, proporcionando uma imagem mais precisa do metabolismo do corpo em repouso.

Por exemplo, ao medir os níveis de glicose em jejum, os médicos podem identificar de forma mais eficaz a presença de diabetes ou pré-diabetes. Se os níveis de glicose estiverem elevados após o jejum, isso pode indicar uma resistência à insulina ou problemas no metabolismo do açúcar.

Agora que você já entendeu a importância do jejum nos exames laboratoriais, agende o seu e descubra como anda a sua saúde.

Autora – Karolyne Santiago – Equipe Manu Digital
Editora – Ruth Ribeiro – Equipe Manu Digital

AGENDE SUAS CONSULTAS E EXAMES POR VALORES REDUZIDOS

Veja também

Ceratocone: Desvendando uma Condição Ocular Complexa

Quando Foi Seu Último Check-up Gastrointestinal?

Cuidados com a Pele na Adolescência: Orientações Importantes para uma Pele Saudável

Dia do Lixo: Qual o Impacto na Dieta para Controle de Peso?

Miopia: Genética e Estilo de Vida como Causas Crescentes

Terçol: Higiene das Pálpebras e Cílios como Prevenção Essencial